segunda-feira, 2 de junho de 2014

COMEÇA A TREZENA DE SANTO ANTÔNIO EM JUAZEIRO



Desde o dia 1 de junho que os fiéis do bairro Santo Antônio, em Juazeiro, festejam seu padroeiro. A trezena segue até o dia 13 de junho e tem como tema "A Espiritualidade cristã na Família: um casamento que dá certo", antecipando o que a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil  quer refletir na Semana Nacional da Família e rezando pelos frutos do Sínodo dos Bispos sobre a família, convocado pelo Papa Francisco.

Pe. Donisete
Vigário Paróquial
Segundo Padre Donisete, vigário da Paróquia, "a espiritualidade cristã é um recurso para a família, é um bem que enriquece a convivência de cada dia e que faz uma ponte entre a rotina das tarefas diárias e a vontade de Deus que atualiza, em todo momento, sua aliança de amor para conosco" Continua o vigário: "E com a fama de casamenteiro, Santo Antônio intercede pela família que vive fervorosamente essa espiritualidade cristã". 

A cada noite, às 19h 30min, os devotos de Santo Antônio participam de missas, pedem bênçãos e escutam pregações. Nos dias 7, 8 e 12 de junho têm quermesses, com comidas típicas, músicas e quadrilhas. Dia 7, os enfermos recebem o Sacramento da Unção e participam de um "happy hour", às 16 horas. Mais tarde, às 19h 30min, alguns casais, pedem a proteção do santo casamenteiro para o seu matrimônio. Acontece casamentos comunitários e a bênção de casais. Dia 12, conta com a tradicional bênção dos namorados e dos noivos.
No último dia, 13 de junho, a procissão sai da igreja Santo Antônio, percorre algumas ruas do bairro em direção à praça Dom Tomás, onde é celebrada a missa festiva, por Padre Claudomiro Rocha, da Arquidiocese de Aracaju-SE.

Um pouco sobre SANTO ANTÔNIO DE PÁDUA (LISBOA), PRESBÍTERO E DOUTOR DA IGREJA.  Nasceu em Lisboa (Portugal), no final do século XII. Foi recebido entre os Cônegos Regulares de Santo Agostinho, mas pouco depois de sua ordenação sacerdotal transferiu-se para a Ordem dos Frades Menores com a intenção de dedicar-se à propagação da fé entre os povos da África. Foi entretanto na França e na Itália que ele exerceu com excelentes frutos o ministério da pregação, convertendo muitos hereges. Foi o primeiro professor de teologia na sua Ordem. Escreveu vários sermões, cheios de doutrina e de unção espiritual. Morreu em Pádua no ano de 1231.

Confira mais detalhes na programação:


Clique nas imagens para Ampliar.




PASCOM - Pastoral de Comunicação
Diocese de Juazeiro Bahia

 

Assine a nosso Email

Contate o nosso Email:

pascom.diocesejuazeiroba@gmail.com

Tema Campanha da Fraternidade 2017

"Biomas brasileiros e defesa da vida."