quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

CPT DE JUAZEIRO REALIZA ENCONTRO COM COMUNIDADES DE REMANSO

Representantes das comunidades rurais de Tamboril, Ponta da Serra I, Lagoa dos Cavalos, Pedra da Onça, Salinas Grande, Xique-Xique e Serrote, estiveram reunidos, na última sexta-feira (17), com agentes da Comissão Pastoral da Terra (CPT) de Juazeiro. O encontro, que foi realizado na cidade de Remanso (BA), também contou com a presença de integrantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município e da Paróquia de Nossa Senhora do Rosário. 




Durante o encontro, os participantes discutiram a conjuntura atual da região e do país. Foram apontadas preocupações com a estiagem, pois já tem um ano que não chove na região e os trabalhadores e trabalhadoras do campo não conseguiram armazenar água e pasto; e com as reformas propostas pelo Governo de Michel Temer, principalmente a que altera as regras da Previdência Social.

Os representantes das comunidades também destacaram o fortalecimento da organização local, o enfrentamento às grilagens de terras e o acesso às tecnologias de convivência do Semiárido. Para Nilcélia Santos, da comunidade Lagoa dos Cavalos, o momento mais importante do encontro foi a discussão sobre a regularização das comunidades tradicionais de fundos e fechos de pasto. “A gente espera que as comunidades se reconheçam, que valorizem suas terras e suas profissões”, disse.

O trabalho da CPT também foi avaliado na reunião. O acesso a informações, o conhecimento de direitos dos trabalhadores e trabalhadoras, o apoio ao enfrentamento de conflitos e o trabalhado desenvolvido com as juventudes rurais foram apontados pelos participantes. Além disso, no encontro, foi feito um planejamento das ações para esse ano, que tem como prioridades o autorreconhecimento de comunidades de fundos de pasto, a formação e organização da juventude camponesa e a cobrança de políticas públicas.

Texto e fotos: CPT Juazeiro/BA

 

Assine a nosso Email

Contate o nosso Email:

pascom.diocesejuazeiroba@gmail.com

Tema Campanha da Fraternidade 2017

"Biomas brasileiros e defesa da vida."